"Não faltará dinheiro para recuperar o Maranhão", diz Lula no Vale do Mearim

Além dos quatro ministros e do diretor do Dnit, que acompanharam o presidente durante a visita a São Luís

Após realizar um sobrevoo nas áreas atingidas pelas cheias no Maranhão, o Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, fez um pronunciamento no aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado. Durante sua fala, o presidente se dirigiu aos prefeitos maranhenses. Ele fez um pedido aos políticos para que se unam em torno da reconstrução do Maranhão. ?Vamos deixar a política partidária de lado e reconstruir o Estado. As eleições só vão acontecer em 2010 e as eleições para prefeito só em 2012. Se trabalharmos juntos, governo federal, estadual e municípios vamos reconstruir o Estado?, afirmou Lula.

Além dos quatro ministros e do diretor do Dnit, que acompanharam o presidente durante a visita a São Luís, Lula garantiu a presença de outros ministros no Estado. ?Vamos mandar os ministros da Agricultura e da Reforma Agrária para fazer o levantamento da situação no Maranhão. O ministro da Saúde também vem pra cá. Queremos evitar que as doenças atinjam as pessoas desabrigadas. Estaremos aqui enquanto essa situação durar?, continuou.

O presidente Lula disse que o governo federal vai trabalhar em conjunto com o governo do estado. ?O que for possível fazer nós vamos fazer. Temos que trabalhar com muito afinco para tirar essas pessoas do isolamento. Nesse primeiro momento vamos levar alimentos e tratar da saúde das pessoas. Depois é esperar a chuva passar pra gente fazer o conserto?, continuou o presidente.

A governadora Roseana Sarney fará um levantamento dos prejuízos no Estado para levar à Brasília. ?A Roseana vai para Brasília com um projeto elaborado pra que a gente possa fazer o que precisa ser feito. Mesmo com o governo federal arrecadando menos, por conta da crise, não faltará dinheiro para reconstruir o Maranhão?, garantiu Lula. Durante o seu pronunciamento, a governadora Roseana Sarney entregou um relatório para o presidente com os últimos números da situação do estado.

Ao se dirigir aos prefeitos dos municípios atingidos, o presidente pediu empenho. ?Quando falamos em liberação de recursos, existe um ritual que precisa ser cumprido por força da lei. Nós precisamos em todas as áreas, de projetos bem elaborados e bem documentados. Quando a coisa é bem feita o dinheiro sai mais fácil. A governadora Roseana Sarney, com a experiência que tem vai fazer o possível para que a papelada saia corretamente e o dinheiro seja liberado?, completou.

Lula encerrou o seu pronunciamento garantindo que não faltarão recursos para o Estado. ?Não faltarão recursos para que o estado do Maranhão possa voltar a se desenvolver com normalidade?, concluiu.

Fonte: Imirante, www.imirante.com.br