Natal deve ter mais compradores, mas com presentes mais baratos

Cada comprador deve levar cinco produtos e gastar R$ 43 por peça.

Mais paulistanos devem comprar presentes de Natal neste ano, mas com um gasto inferior ao do ano passado, segundo pesquisa da Fecomercio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo).


Natal deve ter mais compradores, mas com presentes mais baratos

Ao todo, 84% dos moradores da cidade de São Paulo indicaram pretensão de comprar algum presente na data. No ano passado, eram 70%.

Cada comprador deve levar cinco produtos e gastar R$ 43 por peça. O valor é menor do que o sugerido no ano passado, quando a intenção de gasto era de R$ 55.

A pesquisa foi feita entre os dias 10 e 13 dezembro, com 1.116 consumidores da capital paulista.

Calçados, vestuário e acessórios ainda são os itens mais citados como possíveis presentes.

A pesquisa mostra que cada vez mais as crianças fazem parte do processo de escolha de seus presentes. Mais de 40% dos pais levam seus filhos às compras de Natal e mais de 42% das escolhas de presentes foram feitas pelas próprias crianças.

Sobre os resultados da pesquisa, contundo, a Fecomércio faz uma ressalva. De acordo com a entidade, as pessoas tendem a racionalizar no momento em que respondem às perguntas, mas nem sempre respeitam seus limites pré estabelecidos quando efetivamente vão comprar os presentes.

Fonte: Folha