Número de cheques sem fundos cresce em março, diz Serasa

Dentre os Estados, Roraima foi o líder, com 15,81% dos cheques devolvidos.

O percentual de cheques devolvidos por falta de fundos foi de 2,19% do total em março ante os 2,13% registrados em fevereiro, informou a consultoria Serasa Experian nesta sexta-feira. No acumulado do primeiro trimestre, o percentual foi de 2,04% ante os 1,89% no mesmo período do ano passado.

De acordo com os economistas da consultoria, a inadimplência com os cheques cresceu em maio graças a sazonalidade, já que março é marcado por despesas como parcelas do IPVA, material escolar e Carnaval. Além disso, o resultado reflete o aumento na inadimplência, que ocorre desde o início do ano passado.

Dentre os Estados, Roraima foi o líder, com 15,81% dos cheques devolvidos, seguido por Acre (14,59%) e Amapá (9,44%). Já São Paulo foi o Estado com o menor percentual, com 1,51% do total de cheques devolvidos por falta de fundos, informou a consultoria.

Fonte: Terra