Número de milionários aumenta 6,2% no Brasil em 2011; saiba!

Brasil é o 11º país com mais milionários do mundo: 165 mil

A fortuna das pessoas mais ricas do mundo diminuiu 1,7% em 2011, segundo relatório divulgado nesta quarta-feira (20) no World Wealth Report 2012, divulgado pela consultoria Capgemini. É a primeira queda desde o começo da crise, em 2008, ano em que a redução na riqueza global chegou a 19,5%. Dessa forma, o valor acumulado pelos milionários no ano passado ficou em US$ 42 trilhões.

Em número de milionários - pessoas com mais de US$ 1 milhão disponíveis para investimentos -, notou-se um crescimento tímido em 2011, de 0,8%, totalizando 11 milhões de pessoas. Em 2010, o crescimento havia sido de 8,3%.

Entre os 12 países com maior população de milionários, o Brasil foi o que registrou o maior crescimento no número de pessoas com mais de US$ 1 milhão, de 6,2%, chegando a 165 mil "afortunados". O número deixa o país na 11ª posição da lista.

Superaram o Brasil em crescimento, por exemplo, a Irlanda (16,8%) e a Tailândia (12,8%).

Estados Unidos, Japão e Alemanha, no entanto, ainda concentram o maior número de milionários. Juntos, respondem por 53,3% da população mundial.

A região da Ásia-Pacífico também se destacou nesse quesito, chegando a 3,37 milhões de milionários, um crescimento de 1,6% em relação ao ano anterior. O dado fez com que a região ultrapassasse a América do Norte, chegando ao topo entre todas as regiões pela primeira vez. A América do Norte registrou 3,35 milhões de milionários, segundo o estudo.

Em valores, no entanto, a América do Norte continua na liderança, com uma riqueza de US$ 11,4 trilhões, contra US$ 10,7 trilhões na Ásia-Pacífico.

Fonte: Extra