O Piauí exporta em julho US$9,575 milhões e soja e ceras se destacam

A soja e as ceras vegetais foram os produtos mais vendidos no exterior, respondendo, sozinhos, por mais de 70% do movimento.

O Piauí exportou durante o mês de julho US$9,575 milhões, elevando para US$81,476 milhões o total das exportações do estado em 2013. A soja e as ceras vegetais foram os produtos mais vendidos no exterior, respondendo, sozinhos, por mais de 70% do movimento.

Os meses de maio e junho foram os que registraram o melhor movimento no setor de exportações; em maio foram US$23,813 milhões e em junho, US$17 milhões. Os números são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

De acordo com a Secex, o Piauí vendeu 73,984 milhões de quilos de soja, principalmente para a China, faturando US$38,050 milhões. As ceras vegetais, em segundo, venderam 4,101 mil quilos por US$25,486 milhões. Algodão, milho, pilocarpina, mel natural, couros, quartzitos, quercetina e castanha de caju completam a relação dos dez produtos mais vendidos até agora.

Dos blocos econômicos, o que mais comprou produtos piauienses foi o da Ásia, incluindo o Oriente Médio, onde os valores chegaram a US$45,650 milhões. A União Europeia comprou US$16 milhões e os Estados Unidos, incluindo Porto Rico, US$ 8,1 milhões.

De janeiro a julho, a China se apresenta como o principal comprador dos produtos do Piauí, principalmente soja. O comércio com os chineses rendeu US$25,568 milhões, o que corresponde a 31,38% do total das exportações do estado.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br