Seu dinheiro: Óleo e banana mais caros e cesta básica tem alta

Das 17 cidades pesquisadas, maior alta foi registrada em Recife, de 7,12%.

Os moradores de 15 capitais brasileiras pagaram mais caro pela cesta básica em maio, segundo levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Econômicos (Dieese). As maiores altas foram registradas em Recife (7,12%), Fortaleza (6,91%), Salvador (4,74%), Goiânia (4,69%) e João Pessoa (4,14%). Das 17 cidades pesquisadas, apenas em Florianópolis e Brasília houve queda nos preços da cesta, de 1,01% e 0,9%, respectivamente.

Segundo a pesquisa, as altas verificadas nos preços do óleo de soja e da banana foram destaque no mês passado ? os produtos ficaram mais caros em 16 dos 17 locais pesquisados. Em Recife, o óleo de soja subiu 8,19% em maio; em Belém, a alta foi de 7,93%. Já as maiores altas nos preços da banana foram vistas em Goiânia (21,59%), Recife (16,40%) e Salvador (14,09%).

Em São Paulo, o preço médio da cesta básica subiu 2,72%, para R$ 283,69, mantendo a cidade no topo do ranking das cestas mais caras. Em segundo lugar aparece Manaus, localidade em que os gêneros essenciais custaram R$ 272,86, seguida por Porto Alegre (R$ 272,45) e Vitória (R$ 271,16). ?Os menores custos foram encontrados em Aracaju (R$ 199,26), João Pessoa (R$ 225,94) e Salvador (R$ 228,25)?, aponta o Dieese em nota.

Fonte: G1