Para empresários, banco do Brics pode alavancar a indústria brasileira

A criação de uma nova instituição multilateral de financiamento de grandes obras de infraestrutura é importante para o setor empresarial como um todo

Diante da iminência de assinatura do acordo que criará o Novo Banco de Desenvolvimento, instituição conjunta dos principais países emergentes para financiar infraestrutura e desenvolvimento sustentável, o setor empresarial acredita em uma potencialização da indústria.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) espera que mais recursos para investimentos em infraestrutura alavancará outros setores da indústria brasileira. ?É fundamental que haja um banco desse tipo que proponha investimento?, disse o presidente da CNI, Robson Andrade. ?É muito difícil para todas as empresas investir lá fora sem financiamento de outros recursos.?

Andrade acrescentou que a criação de uma nova instituição multilateral para financiamento de grandes obras de infraestrutura é importante para o setor empresarial como um todo.

?Sempre que você tem uma grande obra de construção, você tem sempre um fornecimento de máquinas e equipamentos?, disse o presidente da CNI. ?É muito importante a exportação de serviço de engenharia que possam levar junto outros setores da economia.?

Ficou acertado entre os países-membro do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) que o Novo Banco de Desenvolvimento terá capital inicial de US$ 50 bilhões com cotas igualitárias de 20% por país. Se aprovada, a instituição contemplará inicialmente projetos de infraestrutura e desenvolvimento sustentável nos próprios Brics. No futuro, os financiamentos podem ser expandidos para projetos de outros países.

Fonte: Terra