Para engordar saldo da balança, Petrobras exporta só no papel

Segundo a Secex, o Brasil exportou no mês passado 21,2 bilhões de dólares. Tal resultado, contudo, é fruto de um artifício.

A Secretaria de Comércio Exterior divulgou na semana passada o saldo comercial com um superávit de 2,4 bilhões de dólares em junho, o maior do ano ? um resultado vistoso para o período que o pais vive.

Segundo a Secex, o Brasil exportou no mês passado 21,2 bilhões de dólares. Tal resultado, contudo, é fruto de um artifício. Para alcançá-lo, o governo enfiou no item ?exportação de manufaturados? a venda de uma plataforma para extração de petróleo, a P-63, por 1,6 bilhão de reais.

A plataforma teria sido exportada pela Petrobras para a subsidiária da estatal no Panamá ? isso de acordo com a Secex. Só que a plataforma nunca saiu do Brasil.

No dia 18 de junho, a P-63 partiu de um estaleiro em Rio Grande (RS) em direção à Macaé (RJ). Ainda está em mares brasileiros e começará a operar na Bacia de Campos em setembro.

Foi, portanto, uma exportação feita apenas no papel. Assim, um superávit de 784 milhões de dólares engordou artificialmente para 2,4 bilhões de dólares.

Segundo a Petrobras, a operação é legal, amparada por um regime aduaneiro especial. O.k., mas foi usada como técnica de ilusionismo para lustrar o saldo da balança comercial.

(Atualização, às 14h28. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior enviou o seguinte complemento, que em nenhum momento desmente a nota acima: ?Esta operação foi realizada ao amparo do regime do REPETRO ? Regime aduaneiro especial de exportação e de importação de bens destinados às atividades de pesquisa e lavra das jazidas de petróleo e de gás.A apuração estatística da referida operação na exportação brasileira está em concordância com as recomendações das Nações Unidas de metodologia e produção estatística de comércio exterior, da qual o Brasil é signatário. A instituição do REPETRO tem por objetivo conferir maior competitividade à indústria nacional no fornecimento de equipamentos/montagem para a exploração e produção de petróleo e gás natural, o que permitirá também o domínio da tecnologia nesse importante segmento econômico e a geração de emprego e renda no país?)

Fonte: Veja