Para mercado financeiro, inflação no Brasil está domada, diz Bacen

A previsão para a inflação em 12 meses ficou estável, em 5,62%.

O mercado financeiro reviu ligeiramente para baixo sua previsão para a inflação em 2012, ao mesmo tempo em que manteve a de 2011, mostrou o relatório Focus do Banco Central nesta segunda-feira (21). De acordo com o documento, a estimativa para a alta do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) em 2012 caiu para 5,55%, ante 5,56% na semana anterior. Para 2011, o prognóstico permaneceu em 6,48%.



A previsão para a inflação em 12 meses também ficou estável, em 5,62%.

O relatório Focus tem divulgação semanal e traz previsões colhidas pelo BC junto ao mercado para uma série de variáveis macroeconômicas.

O documento mostrou ainda que o mercado manteve inalteradas as estimativas para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) em 2011 (3,16%) e 2012 (3,50%). Também foram mantidas as perspectivas para a Selic em 11,00% ao ano e 10,00%, para 2011 e 2012, respectivamente.

Mas o mercado seguiu revisando para baixo os prognósticos para o crescimento da produção industrial neste ano e no próximo a para a relação dívida/PIB em 2011.

Para a produção industrial, a estimativa de crescimento recuou a 1,37% em 2011, contra 1,55% no documento anterior. Para 2012, a previsão de alta caiu para 3,68%, frente a 3,74%.

A expectativa para a relação da dívida líquida do setor público sobre o PIB neste ano caiu para 38,60%, ante 38,65% na semana anterior.

A estimativa para a taxa de câmbio para os dois anos permaneceu estável em R$ 1,75 por dólar.

Fonte: Folha.com