Para mercado, PIB do Brasil só vai crescer no máximo 1,2% em 2012

Resultado fraco do PIB divulgado pelo IBGE na sexta-feira contribuiu para queda.

A previsão de crescimento da economia brasileira em 2012 recuou de 1,50% para 1,27% na primeira pesquisa Focus do Banco Central após a divulgação do resultado do PIB do terceiro trimestre de 2012. Para 2013, a estimativa passou de 3,94% para 3,70%. Nos dois casos, é a terceira queda seguida. Há quatro semanas, as projeções eram, respectivamente, de 1,54% e 4,00%.



Como a coleta de dados se encerra na sexta-feira, dia da divulgação do PIB, a Focus reflete em parte as revisões de analistas com base no dado fraco do crescimento econômico. É possível que nem todos os economistas consultados tenham atualizado suas projeções.

A projeção para o desempenho do setor industrial em 2012 continua negativa e passou de -2,30% para -2,38%. Para 2013, economistas preveem avanço industrial de 3,82%, abaixo da projeção de 4,20% da pesquisa anterior. Um mês antes, a Focus apontava estimativa de retração de 2,31% neste ano e de expansão de 4,15% no próximo ano.

Analistas reduziram ainda a previsão para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB em 2012, de 35,20% para 35,15%. Para 2013, a projeção segue em 34%. Há quatro semanas, as projeções estavam em, respectivamente, 35,20% e 34% do PIB para cada um dos dois anos.

Fonte: Estadão, www.estadao.com.br