Petrobras descobre óleo na bacia de Campos

A descoberta, no pós-sal, ocorreu com a perfuração do poço informalmente denominado Aruanã

 A Petrobras anunciou nesta quinta-feira a descoberta de óleo leve em reservatórios situados na bacia de Campos. "Análises preliminares indicam a presença de volumes recuperáveis em torno de 280 milhões de barris de óleo leve (28 graus API) e com boa produtividade", destacou a estatal em um comunicado.

A descoberta, no pós-sal, ocorreu com a perfuração do poço informalmente denominado Aruanã, na concessão exploratória BM-C-36 (bloco C-M-401), operada com exclusividade pela Petrobras. O chamado poço descobridor está localizado a cerca de 120 km da costa do Estado do Rio de Janeiro, em lâmina d"água de 976 m. Aruanã ainda será objeto de um plano de Avaliação e Descoberta a ser apresentado à Agência Nacional de Petróleo (ANP).

A Petrobras já perfurou, também na bacia de Campos, no Campo de Marlim Sul, dois poços em reservatórios geologicamente semelhantes à Aruanã: Jurará e Muçuã, em 2007 e 2009. "Esses poços foram perfurados em lâmina d"água de 1.200 m e permitiram as estimativas, em conjunto, de 350 milhões de barris recuperáveis de óleo de 27 graus API", acrescentou um informe ao mercado, lembrando que o desenvolvimento desses projetos está previsto no Plano Estratégico 2009-2013.

De acordo com a Petrobras, "a produção do conjunto dessas áreas deve contribuir a curto e médio prazos para o crescimento da curva de produção da companhia, pois já existem instaladas estruturas de produção e escoamento".

Fonte: Terra, www.terra.com.br