Preço do metro quadrado custa R$ 788,92 em Teresina

O Índice Nacional da Construção Civil variou 0,44% no mês de outubro e no Piauí deixou o metro quadrado mais barato, em relação ao mês anterior

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo IBGE em convênio com a CAIXA, apresentou variação de 0,44% em outubro, ficando 0,10 ponto percentual abaixo da taxa de setembro (0,54%).

Considerando o período de janeiro a outubro, a variação acumulada está em -0,77%, enquanto em igual período de 2012 havia ficado em 4,99%. O índice mostrou também o valor do metro quadrado nos estados e o Piauí fechou outubro com R$ 788,92.

O resultado dos últimos doze meses situa-se em -0,12%, acima dos -0,22% registrados nos doze meses imediatamente anteriores. Em outubro de 2012 o índice foi de 0,34%. Estes resultados levam em conta a desoneração da folha de pagamento de empresas do setor da construção civil prevista na lei 12.844, sancionada em 19 de julho de 2013.

O custo nacional da construção, por metro quadrado, que em setembro fechou em R$ 845,31, em outubro passou para R$ 849,07, sendo R$ 468,27 relativos aos materiais e R$ 380,80 à mão de obra para dados nacionais.

Em relação ao Piauí, o custo nacional da construção, por metro quadrado, fechou outubro em R$ 788,92. O custo nacional da construção teve uma queda de -0,27, em comparação ao mês de setembro de 2013. Contudo, registrando um crescimento em relação ao ano anterior de 7,72%. No acumulado dos últimos 12 meses esse crescimento comparativo é de 8,07%.

Com relação aos acumulados, a região Nordeste apresentou a menor variação no ano, -1,77%, além de ser a mais baixa nos últimos doze meses, com -0,60%. Enquanto isso, a região Sul apresentou a maior variação no ano, 0,55%.

Fonte: Marcilany Rodrigues