Preço do produto da época diminui 2 reais em três dias

Preço do produto da época diminui 2 reais em três dias

Panettone entrou esta semana na lista de itens pesquisados pelo Jornal MN.

Nesta semana houve uma igualdade na disputa dos supermercados que diminuíram ou aumentaram os preços em relação à pesquisa feita no início da semana. Dois tiveram totais elevados e os outros dois, diminuídos. Ainda nesta semana, a checagem dos preços continuou com a inclusão do panettone Bauducco na lista em que foi possível perceber que em três dos quatro supermercados avaliados, o preço deste produto sofreu uma queda em relação ao início da semana.

Na pesquisa no início da semana, os produtos estavam com os preços iguais em todos os estabelecimentos. A diferença do preço pesquisado na segunda-feira (R$ 12,49) para a nova checagem, feita na quinta-feira, foi de R$ 2. O supermercado que restou, apenas manteve o preço (R$ 10,49).

Quanto à variação percentual, esta, em relação ao comparativo com o total de preços pesquisados no início da semana, não registrou nenhum índice acima de 10%, como aconteceu na checagem da semana passada. O Hiper Bompreço e o Comercial Carvalho foram os únicos que registraram uma queda de preços e ficaram com percentuais negativos, o que é bom para o consumidor. O Hiper ficou em primeiro lugar no posto de mais vantajoso no total dos itens pesquisados, com R$ 179,56 e conseguiu a segunda melhor taxa de variação percentual (-2,18%).

O Comercial Carvalho ficou com o segundo total mais barato, de R$ 191,15, e obteve o melhor índice percentual (- 3,29%), diferente da semana passada, quando ficou em terceiro lugar. O Extra ocupou a terceira colocação em relação ao total para os itens pesquisados, de R$ 193,13 e a mesma posição quanto à variação percentual (4,55%). Em quarto e último lugar em economia está o supermercado Pão de Açúcar, com total para cestas de itens pesquisados no valor de R$ 212,45, registrando também a quarta colocação para a taxa de variação percentual (9,44%). A diferença entre o supermercado mais caro o mais barato foi de R$ 32,89.

Preços apresentam altas moderadas

Na auditoria dos atacadistas, novamente apenas um estabelecimento apresentou queda de preços, ainda que o percentual tenha ficado em menos de 1%: o Makro atacadista mostrou decréscimo de 0,9% nos produtos considerados neste levantamento complementar, e permaneceu na terceira posição.

O Atacadão novamente é o mais vantajoso, apesar de ter mostrado o maior acréscimo no somatório (alta de 2,6%, aproximadamente). O Maxxi ocupa a segunda posição, com alta aproximada de 0,5% em relação à segunda feira. O Carvalho Mercadão manteve o quarto lugar, com aumento de 1,8% no somatório dos produtos comparados com a pesquisa divulgada na segunda.

A rotina nos atacadistas é de cada vez mais filas, principalmente no horário do meio-dia e também ao fim da tarde. O consumidor precisa exercitar bastante a paciência para conseguir finalizar as compras, já que os esforços para oferecer um atendimento mais amplo no que diz respeito aos caixas ainda deixa muito a desejar.


Preço do produto da época diminui R$ 2 em três dias

Preço do produto da época diminui R$ 2 em três dias





Fonte: Flávia Araújo