Preço dos imóveis em todo o país sofre a maior alta em 15 meses;tabela

O preço médio do metro quadrado de imóveis residenciais subiu 1,3% em outubro

O preço médio do metro quadrado de imóveis residenciais subiu 1,3% em outubro, segundo dados divulgados nesta terça-feira pela Fipe com base na amostra das ofertas do site Zap Imóveis em 16 cidades. É a maior variação desde julho de 2012. Em São Paulo, o metro quadrado subiu 1,2% e no Rio de Janeiro a alta foi de 0,9% em outubro.

A maior variação registrada no mês passado aconteceu em Belo Horizonte (3,7%), seguida de Curitiba (3,5%). No ano, as maiores altas foram registradas em Curitiba (33,2%), Florianópolis (13,1%) e Vitória (12,7%).

O metro quadrado mais caro do Brasil está no Rio de Janeiro. Segundo o levantamento, em outubro o metro quadrado na cidade custava R$ 9.700 em média. Brasília tem o segundo metro quadrado mais caro (R$ 8.595), com São Paulo (R$ 7.631) na sequência.

O levantamento também apura os bairros mais caros de São Paulo e Rio de Janeiro. Na capital fluminense, Leblon (R$ 21.886), Ipanema (R$ 19.295) e Lagoa (R$ 16.556) são os que têm maior valor. Em São Paulo os campeões de preço são Vila Nova Conceição (R$ 13.499), Jardim Paulistano (R$ 12.192) e Itaim (R$ 10.915).


Preço dos imóveis em todo o País sofre a maior alta em 15 meses

Fonte: Terra