Preços de produtos de Natal têm diferença de até 93,22%, diz Procon

Preços de produtos de Natal têm diferença de até 93,22%, diz Procon

Supermercado na zona norte teve o maior número de itens mais baratos

Os produtos mais tradicionalmente consumidos no Natal têm diferenças de preços de até 93,22% em São Paulo, segundo levantamento da Fundação Procon-SP, divulgado nesta quarta-feira (15). A maior variação no custo foi verificada no pêssego em calda especial (450g) da marca Oderich. No Pão de Açúcar (zona sul), o produto era vendido por R$ 7,69 e, no Carrefour (zona norte), custava R$ 3,98.

Do ano passado para este ano, considerando esta época, foi registrada, em média, alta de preços de biscoitos (10,96%), panettones/chocottones (9,55%), carnes congeladas (8,36%), caixa de bombons (6,49%) e frutas em calda (4,57%). No mesmo período, de dezembro de 2009 a novembro de 2010, a inflação na capital, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) ficou em 6,03%.

De acordo com o Procon-SP, foram visitados dez estabelecimentos comerciais, nas cinco regiões da cidade, e pesquisados os preços de biscoitos, bolos, bombons (caixa), carnes congeladas, cereais, farofas prontas, conservas, frutas em calda e panettones/chocottones.

Entre todos os locais verificados, o comércio Andorinha (zona norte) foi o que apresentou a maior quantidade de produtos com menor preço (72 itens de 112 encontrados).

Fonte: g1, www.g1.com.br