Produção de veículos no Brasil sobe 5,5% e vendas caem 1,3%

Produção de veículos no Brasil sobe 5,5% e vendas caem 1,3%

Os emplacamentos desde janeiro até outubro somam 2,81 milhões de unidades, crescimento de 8% na relação anual

A indústria brasileira produziu 321,8 mil veículos em outubro, alta de 5,5% sobre setembro e expansão de 1,5% na comparação com um ano antes, informou nesta segunda-feira a associação de montadoras, Anfavea. No acumulado dos dez primeiros meses do ano, o Brasil registra produção de 3,04 milhões de veículos, crescimento de 15,3% sobre o mesmo período de 2009. Já as vendas somaram 303,2 mil veículos em outubro, queda de 1,3% na comparação mensal, mas alta de 3% ante o mesmo mês de 2009.

Os emplacamentos desde janeiro até outubro somam 2,81 milhões de unidades, crescimento de 8% na relação anual. No início de outubro, a Anfavea elevou sua projeção de produção de veículos no País de 3,4 milhões para o recorde de 3,6 milhões em 2010, alta de 13,1% sobre 2009. A estimativa para vendas permaneceu em 3,4 milhões de veículos, crescimento de 8,2%, e de exportações passou de 620 mil para 750 mil unidades, salto de 57,9%.

Em outubro, as vendas externas subiram 11,6% sobre setembro e avançaram 50,3% na comparação com outubro do ano passado, para US$ 1,32 bilhão. Em unidades, as exportações somaram 78,072 mil veículos no mês passado, crescimento de 6,8% no mês e de 61,1% na relação anual. Ja as importações, que se aproveitam de um ambiente de real valorizado que tem incentivado vendas de marcas asiáticas no mercado interno, saltaram 2,9% no mês passado sobre setembro, para 59,220 mil unidades.

A Fiat registrou vendas de 62,946 mil automóveis e comerciais leves em outubro, recuo de 5,8% sobre setembro. A Volkswagen vendeu 61,351 mil unidades no mês passado, alta de 2,2% contra o anterior. Já a General Motors comercializou 55,910 mil automóveis e comerciais leves em outubro, queda de 5,2% mês a mês. A Ford apurou vendas de 29,474 mil unidades, expansão de 8,6% ante o mês anterior.

As vendas de caminhões, isoladamente, somaram 13,516 mil unidades em outubro, crescimento de 2,2% sobre setembro, enquanto as de caminhões pesados foram de 4,362 mil em outubro, alta de 6,4% sobre setembro. Enquanto isso, a produção de caminhões caiu 0,8% sobre setembro, para 16,422 mil unidades, e a de caminhões pesados cedeu 0,3% na mesma base de comparação, para 5,303 mil.

A Volvo registrou vendas de 915 caminhões pesados em outubro, ante 914 em setembro. Scania teve vendas de 1,351 mil unidades, contra 1,402 mil no mês anterior. Mercedes-Benz registrou 1,116 mil licenciamentos de caminhões pesados no mês passado, sobre 1,383 mil em setembro.

Fonte: Terra, www.terra.com.br