Receita Federal disponibiliza novo programa do IR 2011

Receita Federal disponibiliza novo programa do IR 2011

Nova versão é inspirada em um metrô com quatro grandes áreas

A Receita Federal disponibiliza a partir desta terça-feira (1º) o programa do Imposto de Renda 2011. Para acessar, basta ir até o site da Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br) para fazer o download gratuito.

Baixe o programa do IR na página da Receita Federal

Segundo especialistas ouvidos pelo R7, o novo programa poderá gerar dúvidas aos contribuintes, pois visualmente é bastante diferente com o anterior. Segundo o advogado tributarista Samir Choaib, que avaliou o programa teste do IR, o contribuinte pode se sentir ?meio perdido? com a nova versão.

- Geralmente as pessoas ficam com dúvidas, pois se acostumam por muito tempo com a versão [...]. A pressão no envio da declaração é um pouco desnecessária, porque o ideal é que as pessoas se acostumem com o programa, tirem as dúvidas, para depois mandar a declaração.

O layout novo do programa foi inspirado em uma linha de metrô. O objetivo da Receita é que o contribuinte - principalmente pessoa física - não se perca na hora de fazer a declaração e de acompanhar a situação (como pendências a pagar ou restituir).

A linha de metrô é, na verdade, um menu, divido em quatro grandes áreas: declaração, pagamento, processamento e restituição. A barra de ferramentas estará disponível a qualquer tempo, mesmo depois que a declaração tenha sido entregue.

De acordo com a Receita, o ?menu amigável? foi responsável pelo ano ?mais tranquilo? de entrega de declarações, que ocorreu no ano passado.

A declaração do IR deve ser entregue no período de 1º de março a 29 de abril de 2011. O envio poderá ser feito pela internet, com o programa de transmissão Receitanet, disponível no site da Receita, ou por disquete, nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, durante o horário de expediente.

Para as declarações entregues em 2011, quem tiver renda anual em 2010 de até R$ 22.487,25, ou de até R$ 1.873,94, fica isento do pagamento de imposto e também de apresentar a declaração. Em 2010, para as declarações ano-base 2009, o limite era de R$ 17.215,08, ou seja, de R$ 1.434 de renda mensal.

A expectativa é de que 24 milhões de declarações sejam entregues neste ano.

Fonte: R7, www.r7.com