Recuperação da economia fortalece imagem do Brasil, atrai investidores

Com a vinda de mais investidores, a quantidade de dólares em circulação no Brasil aumenta e a cotação da moeda ante o real tende a cair.

O crescimento do País acima do esperado, a inflação abaixo do teto oficial e a recuperação do real ante o dólar, observados na última semana, acenam para uma recuperação da economia brasileira no mercado mundial.

Divulgado nesta sexta-feira (30) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o avanço de 1,5% do PIB (Produto Interno Bruto) do País no segundo trimestre deste ano deve fortalecer a imagem do Brasil no exterior e, com isso, atrair investidores estrangeiros.

Com a vinda de mais investidores, a quantidade de dólares em circulação no Brasil aumenta e a cotação da moeda ante o real tende a cair. Esse movimento, por sinal, já foi observado na última quarta-feira (28), quando a moeda norte-americana caiu pelo segundo dia consecutivo e baixou para R$ 2,35.

Um dos maiores fantasmas do governo neste ano, a inflação também deu sinais de queda recentemente. De acordo com o último IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), a inflação teve um avanço de apenas 0,03% em julho e 6,27% nos últimos 12 meses.

Além disso, o aumento da taxa básica de juros (Selic) para 9% ao ano elevou os rendimentos das pessoas que têm dinheiro na poupança. Para o vice-diretor de Análise de Políticas Públicas da FGV (Fundação Getulio Vargas), Rogério Sobreira, o avanço da riqueza no País é um sinal da recuperação da economia brasileira e do consumo das famílias.

? Eu diria que pode estar havendo um movimento de, com as famílias pagando as dívidas, elas voltarem, ainda que lentamente, a consumir.

Ele avaliou ainda que, se houver a combinação da recuperação dos gastos das famílias com os investimentos, existe uma expectativa muito positiva em relação ao PIB deste ano.

? Acho que muitos analistas que vinham fazendo previsões até abaixo de 2% terão que rever as suas previsões.

Fonte: r7