Revisão do PIB para 2,5% é “adequação à realidade”, diz Ideli

Ideli Salvatti destacou programas do governo de estímulo ao crescimento

A ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, afirmou nesta quarta-feira (28) que a revisão para baixo do Produto Interno Bruto (PIB) feita pelo Banco Central é uma ?adequação à realidade?. A instituição, por meio do relatório de inflação do segundo trimestre, anunciou nesta manhã que a sua previsão de crescimento da economia em 2012 recuou de 3,5% para 2,5%.

?É adequação à realidade, entende, pé no chão, mas com muito trabalho?, disse a ministra a jornalistas após participar da cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2012/2013, no Palácio do Planalto. Na ocasião, o governo anunciou que vai disponibilizar R$ 115,2 bilhões para a agricultura empresarial a juros mais baixos.

No relatório de inflação do segundo trimestre, o Banco Central diminuiu em um ponto percentual a previsão de crescimento do PIB alegando que ?a mudança na projeção de crescimento reflete, em parte, o fato de a recuperação estar se materializando de forma bastante gradual".

Ideli afirmou que o governo ?está fazendo tudo que está ao seu alcance para enfrentar a crise e permitir que o Brasil cresça?. Ela também destacou os diversos programas de estímulo ao consumo e ao crescimento da economia que o governo vem lançando.

?É claro que a situação da crise coloca condições, entende, de maior dificuldade. Mas tudo que tem sido feito, não tem semana que não tem anúncio, não tem iniciativa, não tenha ação do governo para fazer com que o crescimento se dê dentro das nossas potencialidades e possibilidades. É trabalhar muito?, disse.

Nesta quarta-feira (27) o governo federal um novo pacote para tentar estimular a economia do país, o PAC Equipamentos. O plano prevê que o governo fará compras no valor de R$ 8,4 bilhões, dando preferência para empresas nacionais.

Fonte: G1