Segunda versão do tablet mais barato do mundo custa R$ 105

Segunda versão do tablet mais barato do mundo custa R$ 105

Ubislate 7 possui características superiores ao Aakash, tablet de R$ 64

A Índia apresentou nesta semana a segunda versão de seu tablet de baixo custo. A primeira versão, chamada de Aakash, custava R$ 64 e esgotou rapidamente graças principalmente ao público universitário do país. Para substituir o Aakash, a Datawind, empresa subsidiada pelo governo indiano, lança o Ubislate 7.

O aparelho, também de 7 polegadas, custa US$ 57 (R$ 105) e possui características semelhantes e, em alguns casos, até melhores do que a primeira versão. O Ubislate 7 possui sistema operacional Android 2.3, tela com resolução de 800x480, processador de 700 MHz, 3 horas de bateria, 256 MB de RAM e uma única porta USB 2.0. O aparelho acessa a internet a partir de conexões Wi-Fi e GPRS.

Além disso, o tablet conta com 2 GB de memória de armazenamento, expansíveis até 32 GB por cartão de memória microSD. Segundo o site TechCrunch, a empresa produzirá aproximadamente mil unidades por dia. O tablet chegará às lojas da Índia em janeiro.

Fonte: IG