Abertura de capital: seis empresas que fizeram IPO em 2013 comemoram

Maior valorização ficou com os papéis da Linx, que abriu capital em fevereiro e seus papéis valorizaram mais de 85%

Embora este tenha sido um ano desafiador para a renda variável, 10 empresas confirmaram abertura de capital, das quais seis tiveram retorno positivo até o dia 20 de dezembro, quando o Ibovespa acumulava perdas de 15,57%.

A medalha de ouro ficou com a companhia de software Linx, que chegou ao mercado em fevereiro. Seus papéis (LINX3) ganharam 85,7%, com volume financeiro médio diário no mês de dezembro de R$ 7,4 milhões.

Em segundo lugar, figura o papel da BB Seguridade (BBSE3), com alta de 51,6% e volume financeiro médio em dezembro de R$ 78,5 milhões. A oferta pública de ações (IPO na sigla em inglês) que aconteceu em abril levantou R$ 10,2 bilhões. Foi a maior operação do Brasil e, de acordo com a consultoria Ernst&Young, também a maior do mundo no ano.

A Smiles (SMLE3), empresa de milhagens da Gol, ocupa o terceiro lugar da lista, com avanço de 51,2%.

Na ponta negativa, figura a ação da Biosev (BSEV3), companhia sucroalcooleira controlada pela francesa Louis Dreyfus Commodities, negociada desde abril, e que acumulou queda de 31,9%.

Fonte: Brasil Econômico