Senado dos EUA aprova lei que libera gastos de quase US$ 1 tri

Após votação na Câmara de Representantes na sexta-feira (16), o conjunto de medidas foi aprovado no Senado com 67 votos a favor e 32 contra

O Senado norte-americano aprovou neste sábado (17) um conjunto de medidas equivalente a US$ 915 bilhões para garantir que as atividades administrativas do governo sejam viáveis até o final de setembro de 2012. A medida deverá agora seguir para o aval do presidente Barack Obama.

Após votação na Câmara de Representantes na sexta-feira (16), o conjunto de medidas foi aprovado no Senado com 67 votos a favor e 32 contra.

Corte de salários

Mais cedo, o Senado ampliou um corte de impostos sobre os salários por mais dois meses. Agora, o objetivo da Casa é forçar Obama a autorizar a construção de um oleoduto do Canadá ao Golfo do México.

Órgãos do governo norte-americano quase fecharam durante esta semana por conta da falta de recursos como o Departamento de Defesa, a Agência de Proteção Ambiental e o Departamento do Trabalho.

Fonte: g1, www.g1.com.br