Soja e milho têm colheitas estimadas em 70% e 68%, diz estudo da Emater

Trabalhos estão entrando para a reta final, segundo empresa

A colheita da safra de soja avançou no Rio Grande do Sul, apesar do tempo instável em determinados períodos da última semana, e chegou a 70% da área plantada. A indicação é da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Sul (Emater/RS).

Expectativa é que os trabalhos encerrem até o final deste mês, ou até o início de maio, uma vez que 25% do total da área apresenta plantas maduras e aptas à colheita, aponta a empresa em seu Informativo Conjuntural.

De acordo com a Emater, outros 5% estão em fase de formação de grãos. Em seu relatório semanal, a empresa elenca que as produtividades têm oscilado. "Na média geral, porém, a produtividade se mantém nos níveis recentemente divulgados, que gira ao redor dos 2.700 quilos/hectare", descrevem os técnicos.

Neste ano o Rio Grande do Sul deve colher 12 milhões de toneladas de soja.

O preço da saca variou -1,72% na última semana, sendo vendida a R$ 62,19.

Milho

Para o milho, a colheita chega aos 68% sobre a área semeada, marcando um avanço de 6% em relação à média dos últimos anos. Conforme a empresa, o ritmo desacelerou no último período, em função das chuvas e também da colheita da soja, que é priorizada pelos produtores devido à maior perecibilidade da oleaginosa após sua maturação, diz a Emater.

Fonte: G1