Supermercados reduzem preços e ranking muda, diz auditoria do Jornal MN; veja

Supermercados reduzem preços e ranking muda, diz auditoria do Jornal MN; veja

A diminuição de quase R$ 9 em um dos estabelecimentos alterou o ranking

Na auditoria desta semana, em relação aos totais de preços checados, todos os estabelecimentos tiveram uma queda nos totais, quando comparados com a soma encontrada no início da semana.

Quanto ao estabelecimento mais barato para o bolso do consumidor nesta checagem, o Comercial Carvalho permanece na primeira colocação com uma soma de R$ 182,18. O estabelecimento foi o que menos reduziu preços (-0,54% ou R$ 0,99).

O Hiper Bompreço, que na semana passada estava em terceiro, sobe uma posição ao reduzir R$ 8,90 na cesta de produtos. Ele aparece nesta auditoria com total de R$ 183,46 e maior variação percentual (-4,63%).

Já o Extra, que na última checagem ocupava o segundo lugar, desce uma posição e fecha esta sexta-feira em terceiro lugar. Ele apresentou um total de R$ 185,75, com R$ 2,38 a menos na cesta de produtos (variação percentual de -1,27%).

Para finalizar a checagem desta semana, o Pão de Açúcar permanece em quarto lugar na auditoria. Reduziu R$ 2,06 e alcançou um total de R$ 200,64 (-1,02%). A diferença entre este supermercado e o Carvalho ficou no valor de R$ 18,46.

ATACADOS - A pesquisa desta semana registrou uma disputa acirrada entre os atacadistas de Teresina. Três deles apresentaram soma dos produtos pesquisados na casa dos R$ 76,00, variando apenas nos centavos.

Quem teve menor valor nos centavos foi o Maxxi, que apresentou soma dos itens pesquisados de R$ 76,02 e ficou com a primeira posição no ranking do mais vantajoso para o consumidor.

Seguindo este estabelecimento, o Atacadão apareceu na segunda colocação, com soma de R$ 76,76. Apresentando este valor, a diferença entre ele e o primeiro colocado foi de apenas R$ 0,74.

Já o terceiro colocado, Makro, teve soma dos produtos pesquisados de R$ 76,86. Este total representa R$ 0,10 a mais que o segundo colocado e R$ 0,89 a mais que o líder da pesquisa.

O último lugar da pesquisa é ocupado pelo Carvalho Mercadão, que se apresentou como menos vantajoso para o consumidor. A soma final deste atacadista foi de R$ 79,28, que corresponde a R$ 3,26 a mais que o primeiro colocado.

Esta semana foram pesquisados 39 itens da cesta, desses, 28 entraram na soma geral, já que estavam disponíveis em todos os estabelecimentos.











Fonte: Aline Damasceno e Flávia Araújo