Universidades privadas perdem alunos e querem apoio do BNDES

Universidades privadas perdem alunos e querem apoio do BNDES

Universidades privadas perdem alunos e querem apoio do BNDES

Levantamento feito pelo Semesp (sindicato das escolas particulares) aponta que 41,5% das universidades privadas de São Paulo terão um volume menor de novos alunos (ingressantes) neste ano em relação ao ano passado, revela reportagem de Fábio Takahashi e Márcio Pinho na Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal). Segundo a entidade, a queda é reflexo da crise econômica e do aumento do desemprego.

Especialistas, porém, apontam outros problemas, como má qualidade de cursos e oferta de vagas superior à demanda. "A falta de qualidade em muitas instituições afasta o aluno. Um problema maior é a falta de opções de financiamento para quem tem dificuldade para pagar os estudos. São problemas estruturais. A crise financeira é apenas mais um problema", diz o consultor em ensino superior Carlos Monteiro.

Para tentar atenuar os efeitos da crise, o Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular solicitou ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) uma linha especial de financiamento, com recursos públicos, para a área.

Fonte: AE/G1