Variação de preços é mínima nos supermercados, revela checagem de preço do JMN

Variação de preços é mínima nos supermercados, revela checagem de preço do JMN

Nos supermercados pesquisados, a diferença com relação à pesquisa feita no início da semana foi inferior a 1%

Todas as semanas, como o consumidor já se acostumou a ter sempre às quartas-feiras a pesquisa de preços realizada nos supermercados e atacadões.

Agora, também já se convencionou a repetir a pesquisa de preços para alguns itens a fim de registrar se houve aumento nesses dias subsequentes em relação aos preços trabalhados durante os dias da realização da pesquisa habitual. A a nova checagem calcula o índice de aumento para cada estabelecimento pesquisado.

Nesta semana todos os supermercados avaliados na quarta e naquinta, 17 e 18, registraram um equilíbrio bem interessante com variação percentual para todos os estabelecimentos menor do que 1%.

O Hiper Bompreço registrou dentro do comparativo o percentual maior, de 0,67% com total de R$ 138,86 para os itens checados, ficando na segunda colocação em relação ao total mais vantajoso para o consumidor.

Ocupando o primeiro lugar em economia está o Extra, total no valor de R$ 130,31 e também com a melhor taxa de variação percentual de queda nos preços de -0,78%.

Já o Comercial Carvalho foi o supermercado que teve o terceiro menor valor para os preços checados R$ 139,39, mas que teve o segundo melhor percentual de variação em relação ao aumento dos preços (0,01%).

O supermercado Pão de Açúcar teve o maior percetual de variação em relação ao aumento de preços(0,12%) e ainda o maior valor checado para o total de itens pesquisados R$ 144,75.

Nessa pesquisa o produto que deu o tom foi o leite que, com a sua variação desequilibrou a tabela. A checagem de preços em dias alternados é uma prática incorporada à pesquisa durante todas as semanas para servir aos leitores e ajudar com que as famílias tenham ferramentas eficazes para garantir a economia e a terem uma melhor cultura em relação às compras que realizam.

Alteração nos preços dos atacados tem sido pequena

Durante a comparação de preços nos atacados verificou-se uma alteração mínima nos produtos pesquisados. Quando o Jornal Meio Norte começou a realizar a auditoria, a alteração era verificada na maioria dos produtos, mas atualmente os supermercados estão mantendo o mesmo valor do início da semana.

Na auditoria realizada nesta semana, o Makro passou na frente e alcançou a liderança, totalizando R$ 36,06. O supermercado que estava na terceira colocação no início da semana, apresentou uma variação de 0,28%, aumentando apenas R$ 0,10 entre os dezesseis itens pesquisados. O segundo colocado é o Maxxi, que contabilizou R$ 36,46, obtendo uma variação de -0,33%.

O Atacadão Carrefour também desceu uma colocação, totalizando R$ 36,80. O atacadista elevou R$ 0,10 no óleo, que no início da semana estava custando R$ 2,69 e na tarde de ontem poderia ser adquirido a R$ 2,79.

Já o Carvalho Mercadão permanece na mesma posição do início da semana, apresentando uma alteração de 1,11%, elevando R$ 0,41 dos itens. O atacadista alterou o preço do óleo, leite condensado e café a vácuo.

Fonte: MARCILANY RODRIGUES E GISELE ALVES