Vassouras ecológicas podem ganhar mercado nos supermercados do Piauí

Além de ajudar a questão de sustentabilidade reutilizando materiais, grupo garante uma renda para ajudar manter comunidade terapêutica Casa do Oleiro

Vereadores estão apoiando uma proposta que visa comercializar vassouras ecológicas em redes de supermercados da cidade de Teresina. Essa atividade ajuda a suprir necessidades básicas da Comunidade Terapêutica Casa do Oleiro, instituição que ajuda dependentes químicos e produz este produto ecológico.

A Casa do Oleiro acolhe 90 pessoas, oferecendo assistência psicológica e social. Desse total, 20 trabalham na produção das vassouras ecológicas, tendo como matéria-prima apenas garrafas pets.

São 15 garrafas pets utilizadas para a produção de cada vassoura que tem a durabilidade mínima de 6 meses. ?Minha mulher tem uma vassoura dessas há mais de um ano, porque esta é mais resistente que a comum?, afirma o pastor José Gouveia, responsável geral pela Casa do Oleiro.

A dificuldade de encontrar a matéria-prima ainda é grande. De acordo com José Gouveia, não compensa comprar o material, o qual é doado. Atualmente, são produzidas 200 vassouras por mês, em média, e o custo de cada item é de R$15,00.

?A entidade não conta com recursos financeiros do governo, por isso a importância deste incentivo. Esta é também uma questão de sustentabilidade?, diz o vereador Samuel Silveira .

Fonte: Nadja Uchôa