Vendas de smartphones crescem 89% no trimestre

Vendas de smartphones crescem 89% no trimestre

Em todo o mundo, foram vendidas 81,1 milhões de unidades no trimestre

As vendas mundiais de smartphones somaram 81,1 milhões de unidades no terceiro trimestre, um avanço de 89,5% na comparação com os 42,8 milhões de aparelhos comercializados em igual período do ano passado, informa a International Data Corporation (IDC).

No acumulado do ano foram vendidos 200,6 milhões de aparelhos, um acréscimo de 67,6% em relação às 119,6 milhões de unidades entregues entre janeiro e setembro de 2009.

"Cada vez mais os consumidores buscam os smartphones como seus próprios aparelhos, enquanto as operadoras têm ampliado a oferta e os subsídios", afirma o pesquisador sênior da IDC Ramon Llamas.

O especialista também destaca as recentes atualizações de sistemas móveis para BlackBerry, iPhone, celulares com Windows, da Microsoft, e Symbian como impulsionadores do crescimento nas vendas.

No final de 2010, a IDC estima que mais de 20% de todos os dispositivos vendidos mundialmente serão convergentes.

Em 2009, os celulares inteligentes representaram 15% do mercado. Entre os cinco principais fornecedores de celulares do mundo, a Nokia mantém a primeira posição com 32,7% de participação de mercado - abaixo da fatia de 38,3% registrada no terceiro trimestre de 2009 - e 26,5 milhões de unidades vendidas no terceiro trimestre - alta de 61,6% em relação ao terceiro trimestre de 2009.

A Apple saiu do terceiro para o segundo lugar no ranking global da IDC, no terceiro trimestre, com 17,4% do mercado e 14,1 milhões de unidades vendidas - salto de 90,5% nas vendas em um ano.

A empresa de Steve Jobs passou a fabricante dos aparelhos BlackBerry, Research In Motion (RIM), cuja participação de mercado caiu de 19,9% entre julho e setembro de 2009 para 15,2% no terceiro trimestre deste ano. No período, o volume de unidades vendidas da RIM cresceu 45,9% para 12,4 milhões.

A Samsung registrou a maior taxa de crescimento anual nas vendas de aparelhos. O resultado da empresa saltou 453,8%, de 1,3 milhão de unidades comercializadas no terceiro trimestre de 2009, para 7,2 milhões entre julho e setembro deste ano. Na quinta posição, a taiwanesa HTC apresentou avanço de 176,2% nas vendas em um ano reportando 5,8 milhões de celulares comercializados entre julho e setembro.

Fonte: IG