Volkswagen passa a Toyota e se torna maior produtor mundial de carros, diz The Guardian

Apesar do desempenho, isso não significa que o consórcio alemão continuará na liderança por muito tempo

O Grupo Volkswagen passou a ser o maior produtor mundial de veículos, de acordo com o jornal The Guardian, de Londres. Segundo o levantamento feito pela publicação, o grupo alemão produziu 4,4 milhões veículos neste ano, contra os 400 milhões da até então líder Toyota.

Apesar do desempenho, isso não significa que o consórcio alemão continuará na liderança por muito tempo. Segundo a consultoria IHS Global Insight, que divulgou o balanço, o crescimento da Volkswagen foi beneficiado pelos planos de incentivo à venda de carros dos governos britânico, alemão e chinês, que viram o mercado de automóveis despencar.

O aumento do portfólio de modelos em mercados estratégicos como China e Brasil também ajudou. De acordo com o presidente da Volkswagen do Brasil, Thomas Schmall, o Brasil é o terceiro maior mercado para o grupo, atrás apenas da China e da Alemanha. Além disso, a montadora pretende aumentar a produção brasileira até 2014 de 800 mil unidades para 1 milhão de veículos.

Outro fator que ajudou a alemão foi a estratégia adotada pela própria Toyota no início do ano. Devido à queda da demanda mundial por veículos, a montadora japonesa precisou realinhar a produção de veículos no primeiro trimestre do ano, ação que impactou nos números da empresa.

Neste ano, a Toyota prevê que saiam das linhas de montagem 7 milhões de unidades, resultado bem inferior as 9,2 milhões de unidade que garantiram à montadora japonesa a liderança, após derrubar 80 anos de domínio da General Motors em primeiro lugar.

Planos

Com o pé no chão, a Volkswagen espera a acomodação do mercado para saber exatamente qual é seu posicionamento no setor. De acordo com o projeto de expansão do grupo, era esperado ultrapassar a Toyota apenas em 2018. Para isso, a Volkswagen investe em seus principais mercados e na construção da fábrica norte-americana.

Fonte: g1, www.g1.com.br