Volkswagen também vai produzir Amarok na Alemanha

Fábrica da Argentina trabalha em três turnos, mas já não atende à demanda

Foi no ambiente descontraído da festa de fim de ano da Volkswagen Argentina que o rumor se confirmou. Viktor Klima, presidente da montadora no país, revelou em seu discurso que a partir do ano que vem a fábrica de Pacheco perderá a exclusividade de produção da Amarok. A linha de montagem trabalha em três turnos para atender à demanda do mercado argentino e europeu, onde a picape se tornou best seller ? de lá também sai a Suran, nome da Spacefox no país vizinho.

?Nós poderíamos ter transferido a produção da Suran para outro país e isso nos teria permitido alcançar a demanda de 140 mil unidades da Amarok que o mundo está solicitando. Mas achamos que duas pernas andam melhor do que uma e por isso tomamos a difícil decisão de submeter parte da produção à fábrica de Hannover, na Alemanha. Aqui, a picape começará a ser fabricada a partir do ano que vem com muitas peças feitas por nossos fornecedores na Argentina. Esta é outra face do tremendo êxito da VW Argentina e também representa um desafio para nossos fornecedores, que agora também se tornarão exportadores?, disse Klima. Em Hannover, 30 mil unidades da Amarok serão produzidas por ano, enquanto Pacheco manterá o ritmo atual ? entre 100 mil e 110 mil modelos.

A festa ainda celebrou o fato da marca alemã fechar o ano como a mais vendida na Argentina e a permanência de Viktor Klima na presidência.

Fonte: g1, www.g1.com.br