Eletrobrás diz que fio não provocou morte de pescador

Se ele morreu eletrocutado, o fio é de uma rede que não pertence à Eletrobras, disse a assessoria

A assessoria de comunicação da Eletrobras divulgou nota sobre a morte de um homem de 59 anos, conhecido por Antonio José, às margens do rio Parnaíba, em Floriano, ocorrida nesta quinta-feira, 19.

De acordo com a assessoria da empresa, informações foram repassadas do município de Floriano sobre o caso, apontam que o caso ainda está sendo analisado. As suspeitas apontam para morte por parada cardíaca e não por eletrocução. ?De acordo com informações que recebemos do município de Floriano, as suspeitas evidenciam para uma morte provocada por parada cardíaca. Mesmo que o falecimento da vítima tenha sido por eletrocução, o fio não faz parte de uma rede da Eletrobras?, afirmou o assessor Carlos Salomão.

Conforme informações colhidas no local do acidente, ao que tudo indica Antônio José era um trabalhador e estava apenas pescando, como de rotina.

A vítima pescava quando foi atingida por um fio elétrico que estava próximo ao local.


Homem morre eletrocutado às margens de rio durante pescaria

Homem morre eletrocutado às margens de rio durante pescaria

Fonte: Denison Duarte