Emater investe na produção de maracujá na região de Oeiras

A fruta é cultivada nos assentamentos Marambaia e Hileia II

O Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Piauí (Emater) está desenvolvendo em Oeiras, localizada a 268 km de Teresina, a produção de maracujá irrigado como alternativa de renda para aos agricultores familiares da região.

A fruta é cultivada nos assentamentos Marambaia e Hileia II, ambos na região de Oeiras, por 41 famílias de agricultores, sendo 16 no Marambaia e 25 na Hileia II. Vale dizer, que no assentamento Marambaia também está sendo produzido um hectare de abacaxi, em fase de experimentação.

As frutas produzidas vão ser empregadas na merenda escolar através do Programa compra direta local. Outros cinco assentamentos na região estão em fase de elaboração e implantação de hortas, que também serão vistas como forma de incremento da renda dos agricultores familiares envolvidos.

Para Levi Lustosa, extensionista do Emater de Oeiras, a transferência de tecnologia desenvolvida no cultivo do maracujá vai ajudar os agricultores familiares dos assentamentos beneficiados a melhorar sua qualidade de vida.Além do maracujá outras frutas vão ser cultivadas por agricultores familiares para fins de comercialização.

Fonte: Assessoria