Embaixador Sebastião do Rego morre ao cair do 11º andar de prédio

Ele foi encontrado ao lado de um livro aberto.

Image title


O embaixador Sebastião do Rego, de 75 anos, morreu nesta segunda-feira (9) ao cair do 11º andar de um prédio em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

Sebastião foi diretor da Agência Nacional do Petróleo (ANP), de 2001 a 2005, e embaixador do Brasil em países como a extinta União Soviética (depois também na Rússia e na Ucrânia), nos anos 1990, e a Argentina (entre 1999 e 2001), tendo participado de dezenas de missões. Foi também secretário-geral das Relações Exteriores, em Brasília, entre 1995 e 1998, no governo de Fernando Henrique Cardoso.

Como antecipou o colunista Ancelmo Gois, do "Globo", ele foi encontrado ao lado de um livro aberto. Segundo policiais militares no local, tratava-se de um livro sobre o ex-presidente Getúlio Vargas, escrito por Lira Neto.

Sebastião vestia terno, gravata e meia.Ainda de acordo com PMs, o embaixador ia sair de casa para almoçar com a mulher, Maria Cristina de Lamare Rego Barros. Apenas o casal e a empregada estavam no apartamento 1104, onde moravam. Além da viúva, Maria Cristina, o embaixador deixa três filhos.

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil também foram para o prédio, que fica na Avenida Atlântica, 1.782. Ele morava no Prelúdio, um dos três que compõem o tradicional condomínio Chopin, que fica ao lado do Copacabana Palace.

Segundo um funcionário do prédio, que não quis se identificar, Sebastião havia ido à academia no hotel nesta segunda pela manhã.Por volta das 15h10, o corpo foi levado pela Defesa Civil para o Instituto Médico Legal (IML).

Investigação

De acordo com o delegado adjunto da 12ª DP (Copacabana), Eduardo Miranda, a polícia inicialmente não trabalha com a hipótese de crime."Não tem sinal de violência no local. No local onde houve a queda tem uma estante de livros, uma cadeira e uma janela, muito baixa. Ele pode ter subido na cadeira para pegar um livro, ou se jogado, mas em princípio foi um acidente. Ele estava bem vestido, poderia estar saindo p

ara algum lugar ou se vestido para se matar. Não tem sinal de crime em principio", disse.A polícia espera familiares para prestarem depoimento espontaneamente ainda nesta segunda.

Image title


Fonte: G1