Emenda que disciplina segurança viária é alvo de audiência na capital

Esta é a segunda audiência pública que a Fetran traz para o Piauí sobre a questão, a iniciativa percorre todo o país e de acordo com o representante da federação, essas ações condizem como uma prepara

O presidente da Fetran (Federação dos Sindicatos de Servidores dos De- trans), Eider Marcos (foto), está em Teresina para liderar uma audiência pública que será realizada nesta quarta-feira (25), na Escola Piauiense de Trânsito.

O objetivo da ação é informar os gestores, servidores e a população em geral sobre as mudanças provenientes com a Proposta de Emenda Constitucional 82, que trata da segurança viária, oferecendo a oportunidade dos órgãos de trânsito de estruturarem a carreira de agente, assim como fazem os policiais federais, militares e Bombeiros; até mesmo com a possibilidade de utilizarem arma, desde que haja a regulamentação desse trecho da proposta.

A PEC promulgada em julho passado se faz importante pelo fato de que esses profissionais passarão a responder não só pela ordenação do trânsito, mas como pela segurança viária, a incolumidade das pessoas, a preservação do patrimônio nas vias e a manutenção da ordem pública.

"Vamos tratar da importância e consequência dessa alteração na Constituição Federal, que implica na definição da segurança viária, trata sobre quem compete exercê-la, os órgãos de trânsito e dentro das atividades de engenharia, educação e fiscalização", explicou Eider.

Esta é a segunda audiência pública que a Fetran traz para o Piauí sobre a questão, a iniciativa percorre todo o país e de acordo com o representante da federação, essas ações condizem como uma preparação.

"O resultado dessas audiências públicas está sendo a preparação de um projeto de lei para organizarmos a gestão dos Detrans de todo o país, de modo que esses órgãos possam ter um plano de carreiras efetivo", disse.

Fonte: Francy Teixeira