Empregada doméstica salva o patrão após notar assalto e ligar para polícia

Policiais militares conseguiram prender parte da quadrilha

Uma quadrilha foi presa enquanto assaltava um comerciante na noite desta quinta-feira (15) em Itanhaém, no litoral de São Paulo. Os policiais militares conseguiram chegar no local do crime e prenderam os assaltantes graças ao telefonema de uma empregada doméstica que viu uma movimentação estranha e avisou a polícia.

O comerciante estava chegando em casa, por volta das 19h, quando foi supreendido pelos assaltantes. O tenente da Polícia Militar Alberto Rossi explica como aconteceu o crime. "Ele chegou no portão e uma quadrilha, formada por uma moça e cinco rapazes, renderam e o fizeram entrar para dentro da residência. A casa também era dele e uma empregada verificou a movimentação e ligou para a polícia. Nós nos aproximamos e fizemos o cerco na residência. Em seguida, demos ordens para eles, que acabaram se entregando. Porém, parte da quadrilha havia fugido com um carro e algumas armas", relata.

A polícia conseguiu evitar que os criminosos levassem dinheiro, perfumes e outros objetos do comerciante. O carro usado pela quadrilha foi encontrado pelos policiais militares momentos depois do crime. Também foram encontrados um revólver com a numeração raspada, um rádio comunicador, uma touca e uma peruca, que era usada como disfarce por uma mulher.

Segundo o tenente, os assaltantes estavam com um colete a prova de balas. "Um deles é menor e não tem passagem (policial) e dois deles já tem passagem por crime", finaliza.

Fonte: G1