Encontrado corpo da 7ª vítima de deslizamento em Niterói

De acordo com balanço do Corpo de Bombeiros, pelo menos 153 pessoas morreram por causa das chuvas que atingem o Estado do Rio desde segunda-feira

O Corpo de Bombeiros encontrou, por volta das 11h desta quinta-feira, o corpo de sétima vítima do deslizamento que atingiu na noite de ontem o morro do Bumba, em Viçoso Jardim, zona norte de Niterói. Segundo a Defesa Civil, a vítima é um homem de cerca de 50 anos. As equipes de resgate conseguiram salvar 21 pessoas com vida no local. A estimativa dos Bombeiros é de que 200 pessoas estejam desaparecidas em meio aos escombros.

O subsecretário de Defesa Civil e comandante geral do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, Pedro Machado, disse nesta manhã que não deve haver sobreviventes do deslizamento. "Esse deslizamento é igual ao de Angra (dos Reis, onde, em apenas um soterramento, morreram 32 pessoas na virada de ano). Não acredito em sobreviventes. Muita pedra, terra e água deslizaram. Quem não morreu com o impacto, certamente pode ter morrido por sufocamento", disse Machado.

De acordo com balanço do Corpo de Bombeiros, pelo menos 153 pessoas morreram por causa das chuvas que atingem o Estado do Rio desde segunda-feira. O maior número de vítimas fatais está em Niterói (85). A cidade do Rio de Janeiro teve 48 óbitos por causa das chuvas, seguida de São Gonçalo (16). As cidades de Nilópolis, Paulo de Frontin, Petrópolis e Magé tiveram uma morte cada. A corporação afirma que não tem um balanço de desabrigados e desalojados já que as prefeituras dos municípios atingidos ainda não informaram esses dados.

Fonte: Terra