Encontro Nacional de Folguedos concentra grande público na abertura

Hoje e amanhã tem o Reisado Minha Estimação, de Teresina

A 39ª edição do Encontro Nacional de Folguedos teve início na noite de quarta-feira (19) e segue até o próximo sábado (22), na Vila Olímpica do estádio Albertão e concentrou grande público na abertura que pode prestigiar o evento que visa ressaltar as tradições nordestinas. Na primeira noite , os grupos Ile Oyá, Os Raimundos (repentista), Reisado do Piauí do Mestre Severo, bumba meu boi Precioso de Timon, Grupo afrocultural Coisa de Nêgo, quadrilha Explosão Estrela de Teresina, quadrilha Mistura Gostosa de Cocal de Telha e quadrilha Zabumbada de Altos se apresentaram e mostraram bastante irreverência no palco Bumba-meu-boi.

O secretário de Cultura do Piauí, deputado estadual Fábio Novo (PT), afirmou que a antiga gestão ainda como Fundação Cultural do Piauí (Fundac) havia cancelado a realização do evento que ocorrido tradicionalmente no mês de junho, devido as festas de São João, mas que devido determinação do governador Wellington Dias, por meio da Secretária de Estado da Cultura, o evento não poderia deixar de ocorrer e esse ano trouxe como tema as lendas piauienses, para homenagear o Dia do Folclore.

Image title

Para ele, a festa já faz parte da identidade cultural do piauiense há quase meio seculo e que o atraso de quase dois meses de deu por conta de questões administrativas referentes a antiga administração, mas que isso não acarretará nenhum prejuízo em sua programação. Ele ressaltou as atividades da edição 2015 do evento como Reisado do Mestre Severo, Bumba meu Boi, quadrilhas, cordel, artesanato, parque de diversões, shows musicais e algumas novidades.

“Nós trouxemos uma estrutura para que o cidadão teresinense possa utilizar da melhor forma possível, assim como as novidades do 1º concurso de grafite, em que os participantes vão pintar telas e serão premiados, além disso as pessoas que quiserem conhecer mais sobre as lendas piauienses pode fazer uma visita ao espaço "Num Se Pode", onde serão exibidos documentários a respeito das nossas lendas e na parte de cima nós destinamos uma área para as crianças com um parque de diversões”, declarou.

Image title

Image title

Fábio Novo afirmou que o Folguedos não é um evento do Governo, mas da população e que por isso não poderia deixar de ser executado. “Esse ano a gente traz um evento com mais qualidade, pois agregamos valor com a questão do folclore, além disso nós damos a oportunidade de divulgar nosso artesanato e de trazer a nossa juventude para divulgar seus trabalhos de grafite”, completou. A diretora da Unidade de Articulação Cultural da Secretaria Estadual de Cultura, Bid Lima, afirmou que foram disponibilizadas 10 vagas para os artistas locais, sendo que desses 3 vão ser selecionados por uma equipe de profissionais e premiados.

“Os melhores trabalhos serão premiados, sendo R$ 3 mil para o primeiro lugar, R$ 2 mil para o segundo e R$ 1 mil para o terceiro e assim vamos mostrar para o público que vai passar pelo evento essa manifestação de arte. Além disso, os grafites produzidos no evento também serão expostos no Festival de Teatro Lusófono, em Teresina, e no Festival de Rabecas, em Bom Jesus”, disse Bid Lima.

Na abertura do evento, estiveram presentes o professor Mendes Ribeiro – diretor da Casa do Cantador, João Vasconcelos – diretor do Teatro 4 de Setembro, Dora Medeiros – diretora do Museu do Piauí, Antônia Aguiar – coordenadora do Zumbi dos Palmares, além da equipe da Secretária de Estado da Cultura. O jovem talento piauiense Isac do Acordeon abriu o evento com a execução do Hino Nacional.

Image title

Atrações exaltam realização do evento

No palco Cabeça de Cuia, as atrações mais esperadas da noite foram os artistas nacionais Frank Aguiar e Mara Pavanelly, além de Lilly Araújo, Ítalo e Reno e Lagosta Bronzeada. Para o cantor piauiense Frank Aguiar que está prestes a completar 25 anos de carreira com 23 CDs lançados e mais de 15 milhões de cópias vendidas exaltou a realização do evento por parte do Governo do Estado e que é fundamental valorizar a cultura piauiense.

“Para mim o mais importante é poder ser piauiense e está aqui cantando em uma festa tipicamente nossa onde tem nossos costumes, nossas histórias, nossas belezas naturais e poder ver as pessoas prestigiando o que é nosso faz com que eu me sinta muito honrado e por isso dou sempre o meu melhor para o público do Piauí”, afirmou.

Image title

A cantora Lilly Araújo revelou que o Encontro Nacional de Folguedos proporciona a divulgação do trabalhos dos artistas da terra. “Não é sempre que podemos divulgar nosso trabalho para uma multidão de pessoas e um evento dessa magnitude faz com que a gente alcance mais pessoas que nos aproxima de nossos conterrâneos, então isso é muito importante”, destacou.

Image title

Há pouco mais de um ano com carreira solo, a cantora Mara Pavanelly, animou uma legião de fãs que compareceram a arena da Vila Olímpica do Albertão para prestigiar o evento. Em entrevista ao Jornal Meio Norte ela afirmou que poder participar da festa que exalta a cultura nordestina é um muito prazeroso. “Tenho um carinho muito grande por Teresina, gravei meu primeiro DVD como carreira solo na edição desse evento do ano passado e poder voltar mais uma vez é sempre muito bom”, considerou.

Image title

A presidente da dança do Boi de Timon, Delijane Pimentel, disse que o grupo contém 55 participantes e apesar de ser um ritmo estilizado e totalmente maranhense, preferem e se preparam o ano inteiro para dançar no Encontro de Folguedos do Piauí. “O Folguedos do Piauí é referência para os grupos de dança e todos dessa região se preparam para se apresentar aqui e para nós é uma honra poder participar. O nosso foco é dançar nesse evento”, declarou.

O primeiro dia do evento teve transmissão ao vivo da Rede Meio Norte, que mostrou a festa para o telespectador piauiense apresentando os talentos e tradições culturais do Piauí, como os grupos folclóricos, bandas de forró e as quadrilhas. Uma grande equipe esteve envolvida em todo projeto para levar as melhores imagens e conteúdo do evento que já entrou para o calendário piauiense. A realização da festa ficou por conta da Kalor Produções que planejou os mínimos detalhes desse grande evento.

Image title

Famílias destacam valorização da cultura

O casal Ana Célia e Marcelo Amorim participam do evento pela primeira vez e fizeram questão de levar o pequeno David Lucas, de apenas 4 meses para acompanhar e conhecer as tradições regionais para gerar o gosto por sua cultura. “Eu sempre gosto de prestigiar a nossa cultura, nós nos interessamos em conhecer a festa e nos surpreendemos com a beleza e segurança com vários tipos de atrativos e não temos o que nos queixar em relação a outro eventos que já participamos, não deixa nada a desejar”, expôs a enfermeira.

Já a supervisora de Call Center Inara Queiroz e o policial Militar Carlos Teixeira participam do evento há 11 anos e destacou o evento como fundamental para a valorização da cultura nordestina e piauiense. O casal também fez questão de inserir o filho Artur Henrique, de 4 anos, na programação cultural do evento para despertar o interesse pela tradições piauienses.

“Nós estamos aqui todos anos e acredito que toda forma de divulgação de cultura é extremamente importante por que nós conhecemos as nossas raiz. Para mim tem um valor ainda mais especial, por que eu não sou piauiense, mas adotei esse Estado como meu lar e tudo que eu conheço passo a admirar ainda mais”, falou.

Image title

Image title

Encontro de Folguedos movimenta economia local

Além de reunir diversas manifestações culturais, desde a música, dança, gastronomia, quadrilhas juninas e grupos folclóricos o Encontro Nacional de Folguedos também promove a valorização do artesanato local e assim movimenta a economia com a geração de renda para artesãos e trabalhadores autônomos que utilizam o evento para divulgar e vender seus produtos.

A artesã Ana Lúcia da Costa Ferreira, que vende artigos de beleza com produtos típicos do Piauí como o babaçu produzidos por ela, afirmou que o evento é importante na divulgação do trabalho, assim como para completar a renda familiar. Ela parabenizou a organização do evento e pretende continuar participando já que essa é a primeira vez que montou um estande no Encontro. “Essa é uma forma de agregar valor aos nosso produtos e acaba nos ajudando de forma muito significante e para mim essa é uma experiência muito significativa, nós podemos faturar e divulgar nosso trabalho”, acrescentou.

A cozinheira Maria da Conceição Lopes, destacou que além das vendas é possível ainda se divertir e conhece mais sobre a cultura do Piauí. Ela revelou encantamento por toda estrutura do evento e avaliou como a melhor edição já que participa há 3 anos da festa. “Além de faturar, a gente se diverti, eu sempre acompanho o Folguedos e esse ano está tudo ótimo, não tenho o que me queixar”, pontuou.


Image titleImage title

Segurança é feita através de trabalho em conjunto

O público que compareceu ao evento destacou a segurança do evento e segundo o Tenente coronel Sá Júnior, foi realizado um planejamento estratégico da Polícia Militar em parceria com outras forças policiais e segurança privada para garantir a segurança de quem comparecer ao evento. Ele parabenizou a organização do evento que colocou todas as barracas e palcos dentro da Vila Olímpica do Albertão que facilitou para realizar a segurança do local.

“Nós temos apenas um acesso para entrada do público e para isso temos cavalaria e Força Tática no entorno do estádio, equipes da Força Nacional na frente e policiamento ostensivo dentro da arena com cerca de 40 policiais militares no primeiro dia, mas a tendência é que esse efetivo dobre nos próximos dias e até triplique, pois teremos reforço dos alunos do CFAP, então a sociedade por vir que a PM vai se fazer presente e oferecer total segurança as pessoas que aqui estiverem”, esclareceu

Equipes da vigilância sanitária também está presente no evento fiscalizando e monitorando as condições sanitárias de comidas e bebidas fornecidas para o consumidor. O fiscal Raimundo Vieira, disse que equipes vão se revezar na fiscalização do acondicionamento dos alimentos. “Caso seja constatado alguma irregularidade, o comerciante recebe uma notificação e o produto é apreendido de imediato”, completou.

Participam também do evento equipes do Corpo de Bombeiros e um grande aparato médico com ambulâncias que ficaram de sobreaviso para atender qualquer imprevisto que algum visitante possa a vir a passar, mas no primeiro dia tudo ocorreu dentro da normalidade prevista pelos organizadores.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fotos: Victor Gabriel

Fonte: Waldelúcio Barbosa