Enterrado corpo de modelo de 20 anos encontrado morto com tiro na cabeça ao lado de cachoeira

Enterrado corpo de modelo de 20 anos encontrado morto com tiro na cabeça ao lado de cachoeira

Cerca de 50 pessoas estiveram presentes no sepultamento, algumas delas levaram rosas.

O corpo do modelo Dorian Wayne, de 20 anos, filho de Jeans Peter e Bettina Meinkohn, encontrado morto no domingo passado, ao lado de uma cachoeira num condomínio fechado, em Guapimirim, município localizado no pé da Serra dos Órgãos, foi enterrado na manhã desta quinta-feira, no Memorial do Carmo, no Caju. Cerca de 50 pessoas estiveram presentes no sepultamento, algumas delas levaram rosas. Próximo ao corpo foi encontrado um revólver calibre 38. Perícia feita no Instituto Médico-Legal (IML) constatou uma perfuração na cabeça do modelo feita por bala.

A família de Dorian não quis dar entrevistas. Já Sérgio Mattos, dono da agência 40º , onde Dorian trabalhava, acompanhou o enterro do e contou que o rapaz teria se matado. Ele lamentou a morte do modelo:

? Ele era bom, maravilhoso e incrível. Os pais são dois tops lindos. O que vai ficar é essa memória boa ? afirmou o empresário.

A 67ª DP (Guapimirim) está investigando o caso. Em nota, a assessoria de comunicação da Polícia Civil informou que o delegado Alan Luxardo abriu inquérito, e que familiares estão sendo ouvidos. O pai de Dorian deverá prestar depoimento no domingo que vem. Os agentes, segundo a nota, trabalham com a hipótese de suicídio. Mas de acordo com um policial ouvido pelo GLOBO, a possibilidade de crime não está descartada.

Na quarta-feira, o pai do modelo afirmou que acredita que o filho tenha sofrido um acidente:

? Ele tinha uma carreira brilhante pela frente. Todo mundo o amava. Uma lástima. Fui procurá-lo por causa de um trabalho que ele tinha em São Paulo. Tentei por dois dias. Antes de entrar em pânico, fui até a cachoeira que ele costumava ir e encontrei o corpo. Foi um acidente. Ele caiu e teve uma contusão na cabeça.

Fonte: O Globo