Escolas de samba pedem apoio da Secult para o carnaval

Para realização do desfile com 6 escolas é necessário R$ 546 mil

Os representantes de seis escolas de samba de Teresina juntamente com o vereador Dudu se reuniram na tarde desta quarta-feira (11) com o secretário estadual de Cultura, Fábio Novo. Na pauta, os representantes pediram o apoio da Secult na realização dos desfiles das escolas.

Na audiência foi decidido que os representantes das seis escolas irão buscar apoio junto aos deputados estaduais e que a Secult assegura a liberação de possíveis emendas parlamentares para a realização dos desfiles. 

“O que nós garantimos é que a Secult tem total interesse nas escolas de samba e assegura a liberação de emendas parlamentares. Porém, nós dependemos dessas emendas para liberação de recursos”, afirma o secretário estadual de Cultura, Fábio Novo. 

Representantes de escolas de samba buscam apoio para desfile em Teresina (Crédito: Reprodução)
Representantes de escolas de samba buscam apoio para desfile em Teresina (Crédito: Reprodução)

O presidente da Liga Independente das Escolas de Samba de Teresina e diretor da Mocidade Alegre do Parque Piauí, Carlos Lucena, afirma que para a realização do desfile com seis escolas há a necessidade de R$ 546 mil.

“O secretário se dispôs a buscar junto aos deputados as emendas e nós também vamos buscar para que a gente consiga levantar o valor e garantir o desfile com seis escolas”, explica.

Representantes das escolas Mocidade Alegre do Parque Piauí, Sambão, Skindô, Brasa Samba, Unidos da Santana e Galo Tricolor participaram da audiência. 

Fonte: Portal Meio Norte