Estudante diz ter pago resgate de cãozinho de estimação sequestrado

Estudante diz ter pago resgate de cãozinho de estimação sequestrado

Segundo a universitária, o cachorro foi encontrado em uma boca de fumo na comunidade do Lagamar e resgatado à noite sem marcas de agressão.

Uma estudante universitária diz ter pago pelo resgate do cachorro de estimação que sumiu na manhã desta terça-feira (14), em Fortaleza. A jovem de 25 anos que prefere não se identificar disse ao G1 que, Pablo, cão da raça Pincher com um ano e meio, aproveitou para sair de casa quando o marido dela abriu o portão da garagem, por volta de 9h. ?Cheguei da faculdade meio-dia e senti falta dele. Comecei a procurá-lo pela rua e me disseram que um jovem que frequentava a rua onde eu moro havia levado o Pablo?, conta.

Preocupada, a universitária postou mensagens no Facebook pedindo ajuda para localizar o animal de estimação. Na busca por informações sobre o jovem que levou Pablo, a estudante seguiu o conselho de vizinhos e não acionou a polícia porque suspeitavam de que o rapaz que havia levado Pablo tinha envolvimento com drogas. Após descobrir onde o jovem mora, ela pediu que um segurança particular fosse à casa dele para negociar o resgate do cachorro. ?Em 15 minutos, o segurança retornou e disse que esse jovem deu Pablo a um traficante de drogas para pagar uma dívida?, relata.

Para livrar Pablo das mãos do traficante e tê-lo de volta, o jovem pediu que a dona pagasse o mesmo valor da dívida: ?Negociei com o garoto e ofereci a metade do valor pedido. Ele aceitou e foi com meu segurança fazer o resgate?, explica. Segundo a universitária, o cachorro foi encontrado em uma boca de fumo na comunidade do Lagamar e resgatado à noite sem marcas de agressão. ?Deu tudo certo, o Pablo já está em casa e, inclusive, chegou de barriga cheia. Acho que deram "comida de panela" para ele na boca de fumo?, diz.

Fonte: G1