Estudantes da rede estadual têm projeto aprovado para feira na USP

Esse é o terceiro ano que a Educação Pública Estadual reserva seu espaço na Febrace.


Estudantes e professores da rede estadual da educação participam em São Paulo da Feira Brasileira de Ciência e Engenharia da USP - (Febrace). A equipe representa o Cepti Cândido Borges Castelo Branco, localizado no município de Campo Maior. Maior vitrine da produção científica de estudantes da Educação Básica, a Febrace ocorre de 16 a 20 de março, no campus da USP.

“Cerca de 2.700 trabalhos foram inscritos para participar da Febrace 2015, mas apenas 330 foram selecionados. Desses, nós conseguimos garantir nossa vaga”, comemora a diretora do Cepti, Rosiana Ibiapina, acrescentando que o trabalho selecionado foi o Site e aplicativos, desenvolvido por três alunos da escola. "O site é um aplicativo para ser usado em sala de aula, visando à melhoria da qualidade da leitura", afirma.

Durante a seleção estadual, os projetos foram submetidos a rigorosos critérios de avaliação, desde o uso do método científico, criatividade e relevância, clareza e objetividade na exposição do projeto e profundidade da pesquisa. Quando forem avaliados na Febrace, os mesmos critérios serão observados pela comissão julgadora, com igual peso para os trabalhos das quatro regiões do País.

Esse é o terceiro ano que a Educação Pública Estadual reserva seu espaço na Febrace, impulsionada pelo incentivo que a Secretaria de Estado da Educação tem dado à produção científica nas escolas, através de projetos. “

Muitos prêmios nacionais e internacionais já foram conquistados por nossos estudantes nos dois primeiros anos e o nosso desejo é que essas conquistas sejam replicadas”, finaliza a diretora.

Fonte: Ascom