Uespi: estudantes denunciam ação de bandidos no Campus

Nessa semana, um homem armado entrou em uma sala de aula e realizou uma tentativa de assalto.

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA SÁBADO (05) DO JORNAL MEIO NORTE

Os estudantes da Universidade Estadual do Piauí estão assustados com a onda de violência que atinge o campus Poeta Torquato Neto, na zona Norte de Teresina. Se antes os bandidos agiam nos arredores da instituição, principalmente nas paradas de ônibus, agora eles estão praticando crimes dentro da universidade. Nessa semana, um homem armado entrou em uma sala de aula e realizou uma tentativa de assalto.

Com o tumulto, ele acabou se assustando e fugiu sem levar nada, mas deixou o clima de insegurança no campus. Os estudantes do segundo bloco do curso de Direito, no turno da noite, estavam prestes a entrar em sala, quando o homem, com o rosto coberto com uma camisa, os abordou. ?A professora já estava na sala e os alunos já estavam indo também. Ele disse para todos entrarem logo. Alguns se assustaram e saíram correndo e gritando. O assaltante se assustou e foi embora?, relatou uma das vítimas, Cristiano Soares Nascimento.

Recentemente, uma estudante foi perseguida por seis homens dentro do campus Torquato Neto, em uma área escura, próxima ao campo de futebol. Um deles a segurou pelo braço, mas ela conseguiu fugir. Segundo Cristiano, nessa semana um carro foi roubado dentro da instituição. Por ser uma instituição pública, a entrada e saída de pessoas não pode ser proibida.

A Assessoria de Imprensa da Uespi confirmou a tentativa de assalto e disse que o culpado foi capturado e preso. A polícia foi acionada após o ocorrido, pelos seguranças da universidade e conseguiu identificar o acusado. Quanto à segurança do campus, a Assessoria garantiu que ela já foi reforçada ainda na metade desse semestre.

Fonte: Pollyana Cavalho