EUA extraditam ex-produtor de TV suspeito de matar brasileira

Corpo de Mônica Burgos foi encontrado em hotel em Cancún em 2010.


EUA extraditam ex-produtor de TV suspeito de matar brasileira
O Ministério Público do México anunciou neste sábado (31) que os Estados Unidos autorizaram a extradição para o país do ex-produtor do programa de televisão "Survivor" Bruce Beresford-Redman, suspeito de assassinar a esposa brasileira, Mônica Burgos.

O corpo de Mônica foi encontrado em 8 de abril de 2010 em uma cisterna de tratamento de águas de um luxoso hotel de Cancún, no México, depois de o marido ter procurado à polícia para denunciar que ela estava desaparecida.

Em comunicado, a justiça mexicana informou que a entrega de Bruce Beresford-Redman será realizada em data ainda não determinada para as autoridades do México. O suspeito está preso nos Estados Unidos desde novembro de 2010. Em Cancún, ele responderá pelo crime de homicídio qualificado.

"O Departamento de Justiça americano, através do juiz federal Philip S. Gutiérrez, ratificou o processo de extradição, considerando que há provas suficientes para que seja julgado no México", disse em nota o Ministério Público.

Após o crime, investigadores relataram terem encontrado manchas de sengue nos lençóis da cama do casal e nas paredes do quatro do hotel. O casal estava em férias com os filhos quando o crime ocorreu.

Fonte: G1