Após término, ex  é suspeito de matar garota de 17 anos a tiros

Após término, ex é suspeito de matar garota de 17 anos a tiros

Júlia Mariana Torres de Oliveira foi morta na calçada de casa.

Uma adolescente de 17 anos foi assassinada a tiros na noite deste domingo (10) em Apodi, no Oeste do Rio Grande do Norte. Segundo o capitão Inácio Brilhante, comandante da Polícia Militar na região, o principal suspeito de ter efetuado os disparos é o ex-namorado dela, cujo nome não foi revelado. Júlia Mariana Torres de Oliveira foi atingida na calçada de casa e chegou a ser socorrida para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com o capitão, o suspeito se aproximou da residência da vítima em uma moto por volta das 20h. "Ela levou quatro tiros", afirmou Brilhante. "Depois, o criminoso fugiu", acrescentou.

À polícia, familiares da garota relataram que Júlia e o ex-namorado teriam terminado o relacionamento há aproximadamente 20 dias. "Com o fim do namoro, a adolescente foi morar em Mossoró. Neste final de semana, ela voltou a Apodi para visitar a família", revelou o capitão. "Os parentes contaram que ela já vinha sofrendo ameaças do rapaz, mas ninguém deu queixa na delegacia".

Após o crime, a polícia realizou diligências na tentativa de localizar o suspeito, mas ninguém foi preso até o momento.

Fonte: G1