Expectativa de vida dos piauienses aumentou para 70 anos de idade

Hoje os piauienses estão vivendo, em média, até por volta dos 70 anos.

A expectativa de vida dos piauienses cresceu muito nas últimas décadas, apresentando um acréscimo de 11,9 anos, em relação ao início da década de 1980, quando, em média se vivia até por volta dos 68 anos de idade, no estado. Hoje os piauienses estão vivendo, em média, até por volta dos 70 anos. Os números fazem parte de estudo divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os homens continuam vivendo menos do que as mulheres. Segundo o estudo, para a população masculina, o aumento foi de 10,9 anos, enquanto para a feminina esse aumento chegou a 12,9 anos, dois a mais do que os homens. No início da década de 1980, eles chegavam, em média, aos 55,6 anos de idade, hoje alcançam os 66,5 anos. As mulheres, que em 1980 vivia até os 61,8 anos, hoje já chegam aos 74,6.

A unidade da federação com maior expectativa de vida ao nascer para ambos os sexos, em 2013, foi Santa Catarina, com 78,1 anos. Santa Catarina também foi o estado com maior esperança de vida para os homens (74,7 anos), e para as mulheres (81,4 anos). Juntam-se à Santa Catarina os estados do Espírito Santo, Distrito Federal, São Paulo e Rio Grande do Sul, cujas mulheres ultrapassaram a barreira dos 80 anos.

Repórter: Pollyana Carvalho

Clique e curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Pollyana Carvalho