Família aguarda liberação de corpo de jovem morta no Peru

Família aguarda liberação de corpo de jovem morta no Peru

Ela caiu de penhasco enquanto fazia trilha em região montanhosa.

A família da estudante de medicina Paula Sibov, que morreu no domingo (22), no Peru, ainda aguardava a liberação do corpo da jovem de 24 anos nesta quarta-feira (25). A brasileira estava de férias e caiu de uma mula em um penhasco, na região do Vale do Colca, no Sul do país. De acordo com o Itamaraty, o processo de liberação está bem adiantado.

A jovem, que estudava na PUC, em Campinas, no interior paulista, estava de férias e viajava na companhia de um casal de amigos. Eles foram para o Vale do Colca, perto de Arequipa, no sábado (20). A região é montanhosa e de difícil acesso. Os amigos foram de van até o topo do vale há mais de 4 mil metros acima do nível do mar. Acompanhados de guias, eles desceram uma trilha. Às 3h de domingo, eles iniciaram o caminho de volta. Ela tinha bronquite e não estava acostumada a esse tipo de aventura, segundo familiares.

Paula teve dificuldade para subir a trilha a pé e acabou voltando de mula. Segundo os guias, o animal escorregou e ela caiu do penhasco. ?O que nós achamos é que ela não estava ciente do tipo de viagem que ela ia enfrentar, no tipo de aventura que ela se meteu?, disse o irmão Leandro Sibov ao Bom Dia São Paulo.

Fonte: G1