Família britânica busca pela internet doador para filha com leucemia rara

Até agora mais de 30 mil pessoas em todo o mundo responderam ao apelo


Família britânica busca pela internet doador para filha com leucemia rara

A família de uma menina de um ano e meio que sofre de um caso raro de leucemia lançou na internet uma campanha para buscar um doador de medula óssea.

Até agora mais de 30 mil pessoas em todo o mundo responderam ao apelo, lançado no You Tube, Facebook e Twitter, e requisitaram kits de raspagem da parede interna da bochecha para testar se estão aptas a fazer a doação.

Margot Martini foi diagnosticada em outubro do ano passado com uma combinação rara das leucemias linfóide e mielóide agudas.

Desde então ela está internada no hospital infantil Great Ormand Street, em Londres, e já passou por três ciclos de quimioterapia.

Mas seus médicos, que dizem ter visto apenas três casos deste tipo de tumor nos últimos dez anos, dizem que ela precisa mesmo é de um transplante de medula.

Os pais e os dois irmãos de Margot foram submetidos ao exame de Antígenos Leucocitários Humanos, mas nenhum deles saiu como doador compatível.

"É difícil porque ao menos nove antígenos devem ser compatíveis e Margot tem um que é muito difícil de encontrar", disse o pai da menina, Yaser Matini, ao jornal londrino Evening Standard.

Registro de doadores

Diante dos resultados decepcionantes, Yaser decidiu lançar um apelo global em busca de um doador para filha por meio de um vídeo que produziu e lançou no You Tube.

O vídeo já teve mais de 74 mil acessos e a campanha ganhou apoio de atores britânicos famosos, como Stephen Fry.

"Desde então estou a todo vapor. Eu fico de pé até meus olhos fecharem às quatro da manhã e não paro de pensar: será que estou fazendo tudo o que posso?"

Yaser acredita que a maneira como hospitais fazem as buscas nos registros de doadores internacionais é "arcaica".

"Em muitos países apenas seis antígenos são analisados. Chegaram a nos dizer que três brasileiros seriam doadores potenciais. Mas quando eles vieram para testar os dez antígenos, não deu certo."

Ele afirma que nunca havia pensado em procurar doadores antes.

"Você não considera até o câncer te afetar. Por favor, por Margot e por todas as pessoas que têm câncer. Registre-se como doador, faça raspagem e salve uma vida", apela o pai.

Fonte: G1