Fazendeiro tem perna triturada por máquina de cortar cana

Ele manipulava a máquina, e, em determinado momento, ela parou de funcionar.

O fazendeiro José Carlos de Oliveira, 50, natural de Belo Horizonte, morreu no início da noite desta quarta-feira (3) depois de ter a perna tragada por uma máquina de moer cana, conhecida por máquina ensiladeira.

Oliveira estava com o amigo Eder Borges de Paula, 25, trabalhando na fazenda Brejinho, em Pompéu (166 km de Belo Horizonte), região centro-oeste de Minas Gerais, no momento do acidente.

Borges informou que Oliveira manipulava a máquina, e, em determinado momento, ela parou de funcionar devido à quantidade de cana que ficou entalada. O fazendeiro empurrou a cana com a perna direita, e, nesse momento, a máquina voltou a funcionar e ?tragou? a perna dele. "Foi muito rápido e forte. No momento que ela desentupiu já sugou", disse.

Eder Borges contou que logo depois outro funcionário conseguiu puxá-lo e chamar um vizinho, que o socorreu. ?O vizinho veio com o carro e nós conseguimos uma ambulância e o levamos (para o hospital)?, conta. José Carlos, que perdeu muito sangue, já chegou no Pronto Socorro do hospital sem vida.

Os policiais militares entraram em contato com o delegado da Polícia Civil que responde pela cidade, em Morada Nova de Minas, para que o caso fosse apurado. A perícia isolou a área e fez o trabalho. A polícia trabalha com a hipótese de acidente de trabalho. "Eu o conheci em 2007, era uma pessoa muito boa e trabalhadora. Foi um acidente o que aconteceu", concluiu o amigo.

Fonte: UOL