Feira expõe e vende peças de mulheres artesãs

Durante o evento, participaram em torno de 20 mulheres timonenses, que faziam exposição de seus trabalhos artesanais, como forma de divulgar a atividade no município e ainda promover a comercialização

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTE SÁBADO (7) DO JORNAL MEIO NORTE

O dia internacional da mulher é comemorado, no dia 8 de março, desde 1960. E anualmente, vários países se mobilizam, durante o mês de março, para homenagear todas as mulheres, como símbolo de uma série de reivindicações e conquistas de direitos, sobretudo no âmbito trabalhista.

Em Timon no Maranhão não é diferente, a homenagem ao mês da mulher começou na tarde desta sexta-feira, 6, na praça do Colégio Enoque Moura, no Bairro Formosa, com a I Feira “Mostra das Margaridas”, organizada pela a Coordenadoria Municipal dos Direitos e Defesa da Mulher (Comdim), que vai até hoje, 7.

Durante o evento, participaram em torno de 20 mulheres timonenses, que faziam exposição de seus trabalhos artesanais, como forma de divulgar a atividade no município e ainda promover a comercialização.

Segundo Maria Divina Sousa, coordenadora da Comdim, a atividade de expor o artesanato de Timon, tem o objetivo de divulgar peças e trabalhos realizados pelas mulheres artesãs do município.

“Nós temos muitas mulheres artesãs e na maioria das vezes elas ficam no anonimato, então nossa intenção é fazer com que a sociedade conheça o trabalho delas, além de elas poderem complementar a renda familiar”, explica Maria Divina Sousa.

Já para Jose Garcia, que é um os organizadores da Coordenadoria Municipal dos Direitos e Defesa da Mulher, confirma que esses dois dias de exposição foram dedicados as mulheres artesãs em homenagem ao dia das mulheres.

“A feira está sendo organizada para dar destaque ao trabalho dessas mulheres artesãs de Timon, que merecem nosso respeito e valorização. Com essa oportunidade, elas podem comercializar e ao mesmo tempo divulgar suas peças”.

 

 

Fonte: Márcia Gabriele