Filas para cirurgias ortopédicas em Teresina devem diminuir 70%

A ação vai melhorar a demanda de procedimentos que existem no Hospital.

Com o intuito de aumentar os procedimentos cirúrgicos de ortopedia e reduzir a fila de espera pela metade, o Hospital Dirceu Arcoverde da Polícia Militar em parceria com o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), planejaram um plano de ação estratégico onde serão realizadas 120 cirurgias mensais. O Hospital Dirceu Arcoverde da Policia Militar já realiza 250 cirurgias ortopédicas por mês, segundo o diretor Gerardo Ribeiro Filho a ação vai melhorar a demanda de procedimentos que existem no Hospital.

“As cirurgias foram iniciadas hoje e todos os sábados serão realizadas de 07 às 19 horas, totalizando 30 cirurgias diárias. Uma equipe composta por com seis médicos ortopedistas, quatro anestesiologistas e 32 profissionais para equipe de apoio”, explica. O secretário estadual de saúde, Mirócles Veras anunciou o lançamento do plano de ação ontem e aproveitou para visitar as instalações do Hospital Dirceu Arcoverde.

“Esta ação representa uma melhoria na saúde do nosso Estado, vamos tirar 1.000 pessoas que estão na fila sofrendo para realizar cirurgias ortopédicas, com isso, até o final do ano estaremos diminuindo até 70% do tempo de espera dessa fila. Além disso, estamos fazendo parcerias com os profissionais dos hospitais Getúlio Vargas, Hospital de Picos, Parnaíba e Floriano”, revela.

Ainda segundo o secretário os hospitais privados e conveniados ao Sistema Único de Saúde (SUS) também poderão realizar os mutirões em cirurgias ortopédicas como em outras especialidades. “Estamos querendo levar o plano a especialidades como pediátricas e cardíacas para cumprir a determinação do Governo do Estado para agilizar as filas de cirurgias”, aponta Mirócles Veras. (R.M.)

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Jornal Meio Norte